A GoHouse teve um excelente resultado em Maio de 2018, com crescimento de mais de 278% no número de novas locações em aluguel por temporada.

Recorde em locações de aluguel por temporada com crescimento de 278%.

O mês de Maio sempre foi um mês fraco em reservas para a GoHouse, principalmente pela grande relevância do Rio de Janeiro no total de locações. Na cidade do Rio de Janeiro o mês de Maio geralmente é um dos piores meses do ano junto com Agosto.

Importante mencionar que o altíssimo crescimento não se deve ao aumento do número de imóveis alugados, pois este cresceu somente 32% em relação à 2017. O número de aluguéis por imóvel administrado cresceu 91%, gerando muito mais rentabilidade para os proprietários.

Outra questão que vale mencionar é que tivemos pouca ajuda do crescimento da economia brasileira. As projeções de crescimento do PIB que antes estavam em crescimento de 3% em 2018, hoje já se aproximam dos 2%.

Na verdade houve, um efeito negativo relevante em Maio que foi a greve dos caminhoneiros logo antes do feriado eo Corpus Christi. Tivemos um grande número de cancelamento de locações e segundo nossa estimativa poderíamos ter atingido crescimento próximo a 320% se não fosse tal evento.

Fatores que determinam a aceleração do crescimento da GoHouse.

Quando comparamos aos resultados que obtivemos ano passado é possível ver que evoluímos bastante nas mais diversas frentes, mas neste post destacarei três fatores mais importantes que foram: a sofisticação do nosso software de precificação, o ganho de eficiência da empresa repassado aos custos de locação e aumento de locações gerados pelo tive me reservas da GoHouse.

  • Evolução do software de precificação – desde Setembro de 2018 a GoHouse possui software de precificação que acompanha a ocupação individual dos imóveis com o objetivo de gerar o melhor retorno do imóvel.  Com o aumento da competição não basta anunciar nos principais sites é necessário entender como cada um funciona e refletir isso nos anúncios e precificação do imóvel. O aprendizado que temos gerado ao longo desses meses, com certeza tem sido essencial para o resultado alcançado.
  • Ganhos de eficiência repassados aos custos de locação – nossa busca constante por novas tecnologias e melhorias dos processos tem proporcionado redução de custos em nossa operação, os quais têm sido repassados aos valores de aluguel, gerando maior ocupação dos imóveis. Esta questão tem sido refletida principalmente na queda constante das taxas de serviços que adicionamos aos orçamentos.
  • Aumento do número de reservas geradas pela GoHouse – assim como no mercado hoteleiro, no aluguel por temporada os grandes portais como Booking.com, Airbnb e Hoteis.com são responsáveis por gerar até 80% das reservas no mercado. Através do investimento maciço em marketing e maior crescimento da marca GoHouse temos conseguido reduzir a dependência desses canais. O percentual de reservas gerado pelo time da GoHouse chegou a 48% do total vindo de 26% no ano passado, um excelente resultado.

Expectativa para os próximos meses.

Para o segundo semestre do ano temos trabalhado em algumas iniciativas que podem aumentar nossas locações, independente do número imóveis em pelo menos adicionais trinta pontos percentuais. Estas vendas nos ajudarão a atingir altíssima ocupação e propiciarão aumentos adicionais da diárias.

Temos aumentado os valores das diárias de cerca de 5% da base de imóveis a cada dez dias. Fazemos isso para imóveis que nos últimos meses obtiveram ocupação acima de 55% e cuja ocupação futura possua níveis satisfatórios.

O número de aumentos tem sido aquém do esperado no começo do ano, principalmente devido ao menor crescimento da economia e a intervenção federal no Rio de Janeiro. Em São Paulo, a economia mostra sinais de retomada mais forte e por isso nossos imóveis tem tido ótima ocupação e maior aumento nas diárias.

O futura da economia brasileira está sob grande incerteza e o resultado das eleições presenciais pode gerar complicações. A eleição de candidatos, como Ciro Gomes podem levar o país a uma nova recessão e por isso mais recentemente a bolsa tem caído e o dólar subido.

Agora temos motivos de sobra para acreditar que a GoHouse atravessará este período turbulento com a entrega constante de bons resultados. Mais novidades por vir. Compartilho-as em breve!