Em todas as pesquisas que fazemos no mercado de hospedagem brasileiro e internacional fica clara a relevância dos grandes sites de viagem online como Hoteis.com, Booking.com e Decolar.com.

Assim como grandes grupos hoteleiros como Hilton, Accor e Fasano precisam desses sites para gerar uma ótima ocupação, a GoHouse também precisa deles e dos grandes sites de aluguel por temporada como Airbnb e AlugueTemporada.

Agora para pagar a comissão desses sites no final do mês, a GoHouse precisar reter do valor da reserva um montante que chamamos de Parcerias.

O percentual retido varia de site a site, mas listo abaixo os principais:

  • Booking.com – 18% da reserva
  • Decolar.com – 0%
  • Airbnb.com – 0%
  • Google/GoHouse – 10%
  • Hoteis.com/Expedia – 18%
  • AlugueTemporada – 0%

Os sites com percentual igual a 0, não possuem retenção de Parcerias, pois estes cobram a comissão do hóspede e não da GoHouse.

A Booking.com e o Hoteis.com nos cobram comissão de 13% e 15% respectivamente e nós retemos um pouco mais para pagar impostos e custos com estorno.

No caso do Google/GoHouse, fazemos campanhas pagas no Google com o objetivo de atrair reservas. Estas campanhas têm custo médio de 10% do valor das reservas e por isso a retenção.


Importante: todos os sites com retenção de parcerias tem valor de diária anunciado acima do site da GoHouse. Então por exemplo hoje na Booking.com os imóveis são anunciados com diária 22% mais alta, o que significa dizer que se o seu imóvel tem diária em contrato de R$100 ele é anunciado na Booking.com por R$122. A diferença paga a retenção de 18% que fazemos.

Parcerias: a Parcerias é a retenção que fazemos nas reservas e que é discriminada no extrato de cada reserva, disponível na extranet com a nomenclatura “Parcerias”

Já escrevemos sobre isso no passado, mas o objetivo deste tópico foi detalhar um pouco mais como trabalhamos atualmente. Temos grande quantidade de novos proprietários e para a GoHouse, a transparência é fundamental.


Um abraço,
Mario Galvão
Fundador e Gerente Geral.