Do início de Agosto até agora final de Outubro realizamos um teste que consistiu em flexibilizarmos nossa política de cancelamento aluguel por temporada para locatários. O resultado foi ótimo, veja abaixo:

FLEXIBILIDADE = MAIS RESERVAS

Tudo começou em Julho, quando tivemos acesso à um estudo de um dos blogs internacionais de aluguel por temporada que seguimos.

No estudo, clientes da Homeaway, segundo maior site de aluguel por temporada no mundo e dona do AlugueTemporada no Brasil, testaram oferecer aos clientes política de cancelamento grátis por 30 dias.

Na prática, ao invés de os locatários poderem cancelar gratuitamente somente até 60 dias de antecedência eles passaram a ter o direito de cancelar até a véspera da data do check in. Os resultados foram surpreendentes.

Resultados obtidos pelas empresas no estudo

Em média, as 32 empresas do estudo tiveram aumento em reservas  líquido de cancelamentos de 43% no mês seguinte a alteração da política, sendo que o menor aumento entre elas foi de 29% e o maior aumento foi de 117%.

As empresas com maior aumento das reservas foram as empresas cuja operação estava localizada em destinos que possuem maior sazonalidade como cidades de praia e estações de esqui.

Razões para o aumento das reservas com nova política de cancelamento aluguel por temporada

Segundo o estudo e nossas análises, diversos fatores levam a este aumento significativo de vendas. Veja os principais:

  1. Melhor ranqueamento nos sites de anúncios – sites como Airbnb, Booking.com e Tripadvisor entendem que flexibilidade na política de cancelamento é uma demanda real de seus clientes e por isso priorizam os imóveis com políticas flexíveis nos ranqueamentos de buscas.
  2. Acesso a hóspedes do mercado corporativo – as agências que atendem grandes empresas selecionam apenas hospedagens com cancelamento gratuito.  Tornar a política mais flexível significa acessar mais facilmente 50% da demanda brasileira em hospedagem.
  3. Hóspedes confiam mais na opção escolhida – o fato de poder ser reembolsado a qualquer momento deixa o viajante mais confortável em relação ao pré-pagamento que necessita fazer para garantir a hospedagem e tranquilo sobre a possibilidade de um imprevisto.
  4. Diferencial a mais em mercado muito competitivo – vivemos em cenário em que há grande quantidade de oferta em hospedagem no Brasil, principalmente devido a grande crise que passamos. Assim se o hóspede está em dúvida entre duas opções com localização, comodidades, preço e comentários semelhantes, ele certamente escolherá a opção com cancelamento gratuito.

O que mudou na política de cancelamento da GoHouse.

Antigamente em nossa política de cancelamento, o hóspede somente era reembolsado dos 50% pagos na confirmação da reserva caso pedisse o cancelamento antes de 60 dias da data do check in.

Com a mudança da política, os hóspedes agora podem obter estorno completo caso notifiquem a GoHouse da intenção do cancelamento até a véspera da data do check in. Nestes casos, o hóspede é reembolsado dos 50% pagos e a reserva é cancelada.

Cancelamento flexível não significa falta de garantias

Alguns proprietários que conversamos durante o período de testes mencionaram o receio de pessoas segurarem reservas mesmo tempo baixa intensão de realmente se hospedar no imóvel.

Entendemos receio, mas está hipótese não se mostrou verdadeira nos dois meses de testes que realizamos. E o motivo principal está relacionado ao fato de exigirmos 50% de pré-pagamento da reserva para manter o período bloqueado ao hóspede.

Assim percebemos que os cancelamentos têm acontecido logo em seguida a realização da reserva quando os hóspedes ficam cientes do pré-pagamento. O número de cancelamento que acontece depois de 3 dias da chegada da reserva aumentou, mas de maneira marginal.

Não conhece o contrato que a GoHouse assina com seus locatários? Veja o reflexo da nova política clicando aqui.

Resultado obtidos pela GoHouse até o momento.

No primeiro mês após a flexibilização da política de cancelamento tivemos um aumento de 81% no número de reservas líquidas de cancelamentos.

Agora em Outubro, com o impacto adicional gerado pela nova ferramenta de Revenue Management, devemos fechar o mês com vendas 70% acima de Setembro e 125% acima de Outubro de 2016.

Projetamos ocupação acima de 60% para os meses de Novembro e Dezembro e acima de 80% para o período de Janeiro a Março. Neste período a grande maioria de nossos proprietários ganharão pelo menos 50% a mais do que ganhariam com seus imóveis se estivem alugados no modelo tradicional.

Se você ainda não leu sobre o novos sistema de gestão de preços da GoHouse clique aqui e leia o post completo no blog da GoHouse.

A nova política de cancelamento aluguel por temporada é garantia de mais locações. Fique antenado em nosso blog e conheça mais novidades.