44% dos brasileiros utilizam o aluguel de seus imóveis para pagar as contas, e essa prática tende a crescer com a crise e o aluguel por temporada cada vez mais popular nas agências e plataformas online de reserva, fazendo-se conseguir alguma maneira a mais de se arrecadar uma renda extra ao fim do mês.

O que antes eram cômodos ou apartamentos inteiros “sobrando”, deixados de lado; tornam-se fontes de renda cada vez mais visadas pelos brasileiros e ocupam parcela cada vez maior dos lucros mensais dos locadores.

Uma pesquisa realizada pela plataforma online de aluguel por temporada Airbnb, aponta que 53% dos locadores do Brasil dispõem seus imóveis para aluguel de temporada a fim de se obter uma renda extra ao final de cada mês, e 44% dos locadores precisam fundamentalmente da renda obtida pelos alugueis para pagar suas contas.

Com a vulnerabilidade do mercado de trabalho e a economia decadente, a prática de se anunciar e disponibilizar seus imóveis por temporada na internet pode ser tornar uma febre e a quantidade de imóveis disponíveis nas plataformas tende a ser cada vez maior com o passar do tempo. Ou seja, nesse cenário atual brasileiro com o desemprego e a crise, o aluguel por temporada  se mostra como uma solução.


A crise e o Aluguel por Temporada: como o aluguel está ajudando locadores a garantir uma renda extra por mês

Em entrevista do jornal ‘Estadão’, a esteticista Aniba Amorim dos Santos, de 52 anos, e locadora de um imóvel por temporada, diz que a prática de anunciar seu imóvel por temporada ajuda e muito a garantir uma renda a mais no final do mês.

A esteticista, que atualmente aluga um apartamento no bairro da Bela Vista, em São Paulo, entende a prática como uma escape para a atual crise econômica do país.

Locadora há um pouco mais de 1 ano, Aniba raramente encontra sua propriedade desocupada; e enquanto a demanda por seus serviços estéticos não aumentam, é o aluguel por temporada que compõe a maior parte da renda da locadora em São Paulo.

Já Vanda Santos, estudante de direito de 24 anos, vive com dois amigos em Belo Horizonte, e após começar a anunciar seu apartamento para temporada, viu a demanda por seu imóvel crescer cada vez mais, e hoje, a renda proveniente do aluguel por temporada já compõe cerca de 60% dos ganhos mensais dela e dos amigos, que alugam seu apartamento todos os meses principalmente para estudantes de universidades da capital mineira.

De 2012 a 2018, o número de acomodações anunciadas no Airbnb saltou de 3,5 mil para 180 mil, e o número desse crescimento também é expressivo em outras plataformas de aluguel por temporada, e que comprova que essa prática vem se popularizando e se tornando uma ótima saída para aqueles que possuem imóveis ociosos e querem garantir uma renda extra ao fim do mês em meio à tamanha crise econômica e desemprego.

Para saber mais, acesse matéria publicada pelo jornal ‘Estadão’ clicando aqui


Gostou das dicas? Quer lucrar mais com o aluguel por temporada? Conheça a GoHouse, a maior agência de aluguel por temporada do Brasil!

Para anunciar com a GoHouse é simples, clique aqui e confira!